quarta-feira, 21 de maio de 2008

toxico social


depois de varias tentativas falhadas de começar um texto desisti. Nao tenho a minima apetencia neste momento para escrever sobre o que seja. Neste momento estou vazio, nao tenho aspirações nenhumas. Acho que os momentos de inspiração não se escolhem. Acontecem e pronto. Há um desejo e ele é convertido na nossa linguagem. Se não há desejo a linguagem tem uma caracteristica vazia. Tira-se o sumo e sai pouco. Este mal nao é exclusivamente meu, apenas a linguagem.

1 comentário:

Jorge disse...

Ordenha-me a teta succional... Sumo para ti, para a menina e para o bebé!