terça-feira, 15 de abril de 2008


Há por aí agora uma publicidade a uma marca de cuecas onde é protagonista uma cidadã de nome Claudia Vieira. Nome de amendoa. Docinha.


O problema não é o ar engraçadissimo que ela passeia no mundo. Pergunto-me: desde que a vi pela primeira vez nesta sua função de publicitar cuecas (há mais de um ano) quantas vezes ela se deitou numa cama com aquela lingerie (cuecas)? Acompanhada? 634? 1? 9807, acompanhada de um novo modelo da Rowenta?


O problema é exactamente os ares com que ela aparece nas vitrines da JP Decaux. É um ar palerma, imbecil, que dá provas que o público alvo seja o feminino. E depois são cenários quase que escolhidos por alguém que diz que leva no cu por dinheiro, mas no fundo é por prazer: a Claudia Vieira a tomar o pequeno almoço. A Claudia Vieira a engomar a roupa. A CLaudia Vieira ri-se para a câmara...

Eu para tomar o pequeno almoço levo as meias e os boxeurs. Não meto base e nao me maquilho. MAS SE LEVASSE NO CU POR PRAZER E DINHEIRO TALVEZ O FIZESSE!


E se os cenarios fossem: A Claudia VIeira a dar de comer ás galinhas, a Claudia VIeira a encerar o chão (de cócoras...com aquelas gostosinhas peitorais a dar a dar), a Claudia VIeira a fritar batatas, a Claudia Vieira a beber Sagres em frente á tv....


Partes-me o coração CV!

1 comentário:

Jorge disse...

Ai puta raivosa. Se tirasses o ranho dessa narina e falasses desimpedidamente talvez aspirasses a ser uma "boa" actriz. O filho da puta do teu marido também deveria fazer um anúncio a algo interior. Que se vestisse facilmente e servisse para acalmar o bezerro. Talvez uma camisa anal que impedisse violações por parte dos fans amorangados e azedos. Azedos na escolha.

Isto é tudo uma grande palhaçada.