segunda-feira, 31 de maio de 2010

The SMOg

Iah.
Continuam as dores internas de quem não sabe nada sobre tudo aquilo por que vale a pena viver. Não tem nome, não tem rosto nem paradeiro. Nem sequer página no facebook ou sítio na internet. Continuar a navegar na hipótese de que talvez não tenha identidade: Só assim é suportável o facto de que tem uma identidade diferente da minha.

1 comentário:

Maria JRC Mano disse...

Ora que saudades tinha de ler boas coisas!!!! :)